Notícias

12.06.2009

Fecomércio avalia as intenções dos namorados

Compartilhe: Google+

Neste Dia dos Namorados, 67,50% dos catarinenses comprometidos pretendem pagar à vista os presentes. O gasto médio está fixado entre R$ 51 e R$ 100, valores citados por 41,10%, seguido de 29,90% dos entrevistados que estimam gastos de até R$ 50, e 17,60% que pretendem gastar entre R$ 101 e R$ 200. Estes dados foram levantados na Pesquisa da Federação do Comércio de Santa Catarina (Fecomércio) que avalia as intenções de compras para a data, realizada entre os dias 12 e 15 de maio, com 720 consumidores de Florianópolis (Estreito, Trindade, Centro) e São José (Kobrasol).
De acordo com a avaliação, a próxima semana será de movimento para o comércio, já que 69,60% dos entrevistados responderam ir às compras na semana que antecede a data. Entre os itens mais citados pelos consumidores, lideram peças do vestuário (37,10%); perfumes (7,40%); calçados (7,20%); e também outros presentes como jóias, flores e relógios. Há, ainda, 31,40% entrevistados indecisos.
E não apenas o comércio deverá lucrar no Dia dos Namorados. O presidente da Fecomércio, Bruno Breithaupt, reforça que também os setores de serviços e turismo estão entre as opções para a data. Conforme o estudo, 42,50% pretendem almoçar ou jantar em um restaurante; e 12,20% devem viajar para um lugar especial. Segundo 27,60% dos entrevistados, a escolha do local é levada pelo romantismo, enquanto para 26,40% a decisão é do parceiro. O preço é decisivo para 9,30% dos consumidores. “Os gastos menos elevados, a pesquisa de preço, e a preferência pelo pagamento à vista, indicam uma maior cautela do consumidor, que quer evitar o endividamento”, avalia Breithaupt, que acredita em um incremento nas vendas destes setores.
Seguindo os resultados das pesquisas anteriores da Fecomércio, o atendimento personalizado (66,10%); o desconto (61%); as facilidades nas formas de pagamento (21,40%); os brindes temáticos (12,90%); e a promoção para clientes fiéis (11,70%) são os diferenciais citados pelos entrevistados para efetuarem as compras em determinado estabelecimento. Dentre outros números apurados, a avaliação aponta que 59,90% dos consumidores irão fazer pesquisa de preço e 34,60% disseram não comprar um presente muito caro. Entre os 720 pesquisados, apenas 5 afirmaram não gastar na data. 
 

 

Fonte: Fecomércio/SC

 

Newsletter

©2016 - CDL Blumenau - Todos os direitos Reservados - Desenvolvido por SEDIG.
Topo