Notícias

12.08.2016

Inadimplência de Blumenau cai 2,85%, em julho

Compartilhe: Google+

Uma parceria entre a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Blumenau e o Departamento de Economia da Universidade Regional de Blumenau (FURB), por meio do Programa de Extensão Contribuindo na Gestão de Finanças, permitirá o acompanhamento da inadimplência do município. Os números de registros e cancelamentos do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) são repassados pela CDL à Furb, que elabora o índice de inadimplência. De acordo com o presidente da CDL Blumenau, Helio Roncaglio, essa parceria vai possibilitar a entidade realizar ações voltadas para os associados e também para a população de acordo com os índices. 

Segundo o economista Bruno Thiago Tomio, do Departamento de Economia de Furb, em julho de 2016, o índice de inadimplência de Blumenau caiu 2,85%, o que indica que houve mais cancelamentos de registros (pagamento de dívidas e exclusão do cadastro) do que novos registros (inadimplência de dívida e inclusão do cadastro).

Tomio explica que, conforme aponta o Gráfico 1, esta é a segunda maior queda do ano, perdendo somente para janeiro. Em relação aos dados de junho do ano passado, Blumenau apresenta decréscimo de 8,75% no índice de inadimplência.

Em relação à variação de número de registros em julho de 2016, Tomio explica que houve uma queda grande em relação ao mês anterior, junho. No mês passado, ocorreram 8.036 novos registros, número que é 43,05% menor do que o valor deste mês, 4.730 registros. Esta é a maior variação negativa encontrada nos últimos 12 meses (ver Gráfico 2). Esse novo ponto mínimo é 1,93 pontos percentuais menor que a variação negativa encontrada de julho a agosto do ano passado (-41,12%).

Em relação aos outros indicadores de inadimplência, o mês de julho de 2016 se mostra atípico, quando analisadas as variações mensal (julho em relação a junho de 2016) e anual (julho de 2016 em relação a junho de 2015). No Quadro 1, verifica-se que a quantidade de registros diminuiu expressivamente em relação ao valor encontrado há 12 meses (-43,05%). Em relação a julho de 2015, os registros caíram 23,91%. 

Ao encontro dos dados acima, o número de pessoas negativadas diminuiu 35,55% em relação a junho deste ano e 14,11% em relação a julho do ano passado. Os valores negativados diminuíram pela metade, aproximadamente, em relação ao mês anterior (-57,83%). Já em relação ao valor total negativado de julho de 2015, houve um aumento de 20,38%. O valor negativado por pessoa recuou 34,57% no mês e quase dobrou em relação a junho de 2015 (40,15%).

Neste mês, os cancelamentos tiveram avanços mais expressivos que os registros, resultando em uma diminuição da inadimplência no município. Em relação a junho deste ano, houve um grande avanço (29,47%) na extinção de inadimplência (cancelamento de negativações). “É um sinal muito positivo, pois as pessoas estão saldando suas dívidas. Destaca-se que este é o terceiro maior avanço nos últimos 12 meses, ficando atrás somente de dezembro de 2015 (29,60%) e janeiro de 2016 (78,21%),” explica Tomio. (ver Gráfico 3).

Conforme dados do Quadro 2, há muitos números positivos para o mês de julho de 2016. Em relação ao mês anterior, destaca-se o aumento de pessoas que tiveram baixa no seu cadastro de dívida, apresentando uma queda de 13,10%. Em relação ao mesmo mês do último ano, houve uma queda de 12,58% no número de pessoas que cancelaram seu registro. O valor dos cancelamentos também registrou aumento no mês (24,43%), além de mais que duplicar em relação a julho de 2015 (107,93%). Já os valores cancelados por pessoa tiveram variações menores, mas ainda significativas: 10,02%, em relação ao mês passado, e 84,70%, em relação a julho de 2015.

De acordo com Tomio, em resumo, o índice de inadimplência diminuiu em Blumenau no mês de julho de 2016 (-2,85%). “Além de diminuir em relação ao mês de junho deste ano, os cancelamentos de registros desaceleraram ainda mais que os novos registros na comparação com o mês de julho do ano passado, gerando uma razoável variação (-8,75%)”, explica.

Ações contra a inadimplência

Sempre buscando auxiliar a população e os associados, a CDL Blumenau realiza ações para evitar a inadimplência. “Nossa missão vai muito além de fazer o comércio vender. Nosso objetivo é promover o desenvolvimento local por meio de boas vendas tanto para os lojistas quanto para as pessoas”, afirma Roncaglio.

Para tanto, semanalmente alunos do Programa de Extensão Contribuindo na Gestão de Finanças e profissionais do Departamento de Economia da FURB realizam atendimento gratuito às pessoas físicas e jurídicas que têm interesse e receber orientação financeira e tirar dúvidas nessa área. Além do atendimento na FURB, realizam-se atendimentos nas segundas-feiras, das 14h30 às 17h, na sede da CDL Blumenau, na Alameda rio Branco, 165, Centro. 

Para os associados, outra ação é o Fórum de Análise de Crédito. Realizado mensalmente, tem como objetivo promover a troca de ideias e informações pertinentes à análise de crédito, bem como levar aos participantes o que há de mais atual nessa área. Os associados à CDL Blumenau que tiverem interesse em participar podem entrar em contato com Marise pelo fone 3221-5705 ou pelo e-mail spc@cdlblumenau.com.br.

 

Newsletter

©2016 - CDL Blumenau - Todos os direitos Reservados - Desenvolvido por SEDIG.
Topo