Notícias

23.05.2017

Atenção: golpe da lista telefônica

Compartilhe: Google+

O golpe da lista telefônica continua a fazer vítimas pelo país e, em Tubarão, um empresário acabou caindo na “lábia” dos golpistas, que atuam de forma muito rápida e sem tempo da vítima poder fazer qualquer argumentação. “Eles são muito rápidos e convincentes na argumentação, não dando tempo de se rebater a conversa”, ressalta o empresário, que prefere não se identificar por questão de segurança.

O golpe no empresário tubaronense aconteceu no dia 26 de abril e, como ele não chegou a efetuar o pagamento no valor de R$ 498, apenas assinou um termo e encaminhou por e-mail, semana passada um representante de uma suposta “empresa” de cobrança ligou ameaçando que o valor será colocado em execução de cobrança.

O golpe funciona com o recebimento de uma ligação e, no outro lado da linha uma pessoa diz que é apenas para confirmação de dados, que não haverá nenhum custo para atualização. Eles informam que será enviado um documento por e-mail que deve ser assinado e devolvido com urgência. Logo em seguida liga uma segunda pessoa e pede para colocar o carimbo da empresa e assinar para que seja efetuada a confirmação dos dados. A partir daí começa o calvário da vítima.

Lembra o empresário tubaronense que eles não mencionam nenhum valor a pagar, que seria apenas uma confirmação de dados, oferecendo gratuitamente a divulgação no site da lista telefônica da Guia Net Link. Após tudo encaminhado e o termo assinado de “Autorização de Figuração”, uma terceira pessoa liga dizendo que será encaminhado um boleto no valor mensal de R$ 498, num total de 12 parcelas e com previsão de multa em caso de atraso.

Com o argumento de que tudo foi informado que seria gratuitamente, o representante da lista telefônica informa que o valor consta do termo assinado e que deveriam ter lido o “contrato” antes de assinar. “Eles são muito rápidos e nem dão tempo de você contestar ou fazer qualquer pergunta, te deixando anestesiado pela conversa rápida e rasteira e que só se percebe que se caiu no golpe pela sequência de ligações e ameaças”. O empresário diz que só não pagou por que não recebeu o boleto.

Como o empresário tubaronense não pagou o boleto, esta semana ele recebeu uma ligação de uma suposta empresa de cobrança com ameaças de que haveria a execução de título caso o pagamento não fosse efetuado naquele mesmo dia. O pagamento continua sem ser efetuado por orientação do advogado. O empresário irá fazer um registro no Procon e um Boletim de Ocorrência.

Não bastando isto tudo de transtorno, semana passada o mesmo empresário recebeu ligação, agora de outra empresa identificada como Informe Online do Brasil, com o mesmo perfil de golpe.

As Câmaras de Dirigentes Lojistas (CDLs) alertam para que os lojistas fiquem atentos e não aceitem quaisquer contrato com publicidade em lista telefônica e que devem sempre duvidar das propostas “sem custo” e que não assinem qualquer documento com o argumento que devem ser devolvidos com urgência.

Fonte: CDL Tubarão

 

Newsletter

©2016 - CDL Blumenau - Todos os direitos Reservados - Desenvolvido por SEDIG.
Topo