Notícias

19.06.2020

Caixa Econômica libera consulta a saque emergencial do FGTS 2020

Compartilhe: Google+

A Caixa Econômica Federal liberou, na segunda-feira, 15, a consulta ao saque emergencial do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), de até R$ 1.045 por trabalhador, para quem tem conta ativa (emprego atual) ou inativa (empregos anteriores).

A liberação do FGTS estava prevista na Medida Provisória nº 946, de 17 de abril, em uma tentativa de minimizar os efeitos da pandemia do coronavírus na vida financeira da população.  A partir do dia 29 de junho, a Caixa começará a liberar o crédito em uma conta poupança digital para os trabalhadores que têm direito ao saque. Porém, o dinheiro só estará disponível para saque a partir de 25 de julho.

Segundo o presidente da Caixa Econômica, Pedro Guimarães, a medida deve beneficiar cerca de 60 milhões de trabalhadores em todo o país. Estão previstos R$ 37,8 bilhões em saques.

Confira abaixo as principais informações sobre o saque emergencial do FGTS 2020:

1) Quem pode sacar?
Todos os trabalhadores que possuam contas, com saldo, ativas (emprego atual) ou inativa (empregos anteriores) do FGTS.

2) Qual o valor máximo do saque?
O valor liberado será de até R$ 1.045,00 para todos os trabalhadores, limitado ao saldo das contas. Esse valor independe do número de contas do FGTS que o trabalhador tenha.

3) Onde o crédito será depositado?
O pagamento do Saque Emergencial FGTS será realizado exclusivamente por meio de crédito em Poupança Social Digital, aberta automaticamente pela CAIXA em nome dos trabalhadores. A movimentação do valor poderá, inicialmente, ser realizada por meio digital com o uso do aplicativo CAIXA Tem, sem custo, evitando o deslocamento das pessoas até as agências.

4) Quando será feito o crédito do dinheiro?
Os valores começam a ser depositados nas contas digitais no dia 29 de junho. O calendário será de acordo com o mês de nascimento. Na primeira fase de pagamentos, os valores ficam disponíveis apenas para movimentação digital. Já o calendário de saques e transferências começa no dia 25 de julho.

Confira o calendário para crédito, saques e transferências: 

 

5) O que é a poupança social digital da Caixa?
É uma poupança simplificada, sem tarifas de manutenção, com limite mensal de movimentação de R$ 5.000,00. A movimentação da conta é feita pelo aplicativo Caixa Tem.

6) Como movimentar a poupança social da Caixa?
Para movimentar a poupança digital, o trabalhador deve utilizar o aplicativo Caixa Tem. Após o crédito dos valores na poupança social digital, será possível pagar boletos ou contas e utilizar o cartão de débito virtual e QR Code para fazer compras em supermercados, padarias, farmácias e outros estabelecimentos, tudo por meio do aplicativo CAIXA Tem.

A partir da data de disponibilização dos recursos para saque ou transferência, também de acordo com o mês de nascimento, os trabalhadores poderão transferir os recursos para contas em qualquer banco, sem custos, ou realizar o saque em espécie nos terminais de autoatendimento da CAIXA e casas lotéricas, utilizando o código que deve ser gerado no aplicativo CAIXA Tem.
O saque pode ser feito até 31 de dezembro de 2020.

7) Quais são os canais de atendimento para informações do saque emergencial?

  • Site do FGTS/Caixa (www.fgts.caixa.gov.br)
  • Central Telefônica CAIXA 111, opção 2:
  • App FGTS
  • Internet Banking Caixa
 
8) Como consulto o saldo das contas?
É possível consultar o saldo das contas do FGTS por extrato recebido em casa, pelo site, pelo aplicativo e pessoalmente nas agências da Caixa. É preciso saber o número do PIS/Pasep ou o NIT (Número de Identificação do Trabalhador).
 
9) Como consulto o saldo da conta pelo aplicativo do FGTS?
O trabalhador pode consultar o FGTS por meio de aplicativo para celular, disponível para download gratuito em celulares de qualquer sistema operacional: Android, iOs e Windows. Também é preciso informar o número do PIS, Pasep ou NIT e ter uma senha cadastrada.
 
10) O que faço se não quiser sacar o dinheiro?
O trabalhador pode informar, no APP FGTS, que não deseja receber o saque emergencial FGTS. A Caixa informa que a opção deve ser feita com pelo menos 10 dias antes da data prevista do crédito. Caso não haja movimentação na conta poupança social digital até 30/11/2020, o valor será devolvido à conta FGTS com a devida remuneração do período, sem nenhum prejuízo ao trabalhador.
 

 

 

Newsletter

©2016 - CDL Blumenau - Todos os direitos Reservados - Desenvolvido por SEDIG.
Topo